quinta-feira, 25 de setembro de 2014

17 semanas e a escolha do nome Clara


Escolher o nome não foi tarefa fácil, como eu já havia contado pra vocês aqui. Eu pensava com muito carinho no nome Ester para a nossa filha, eu queria muito um nome bíblico. Mas sabe que de tanto pensar no nome eu acordei num dia e pensei: - Tenho que pesquisar mais nomes! Tem tantos por aí!

E lá fomos eu e o Her pela busca do nome da nossa bebê se fosse menina. E claro não chegamos em uma conclusão facilmente. Ele queria nome americano Lindey, Audrey, Emily  e eu um nome simples e possível de acertar a escrita apenas quando pronunciado: Lia, Cristine, Helena ... Lemos muito, porque também não queria um nome com um significado feio. Queria algo bonito!

No fim, ficamos decididos que eu escolheria o nome da menina e ele o do menino. E dependendo de qual fosse o sexo dessa vez, no próximo filho o outro escolheria.

Enfim, ficou o nome que eu escolhi Clara. O Her também gostou ;) O próximo filho agora ficará por conta do papai dar o nome.

Nossa Clara Chao Feldkircher não precisará soletrar seu nome, mas o sobrenome... com certeza!

Chegamos as 17 semanas, e entrando no quinto mês (Pode isso Arnaldo?) O tempo tem passado muito rápido e a barriga cresce lentamente. Dizem que é agora que ela vai crescer. Mas sério, cá entre nós minha amiga, dá um medinho de ver as mulheres com aqueles barrigões explodindo hahaha Tudo ao seu tempo.

Com 16 semanas ela estava com 16cm. Tudo perfeito e só podemos agradecer a Deus.

Não há palavras pra explicar nossa alegria e realização. Sentimos mesmo que é um presente de Deus a nossa menininha tão esperada.

Agradecemos muito o carinho de todos. Temos sentido muito o amor de cada um e vemos vocês se alegrando conosco. Obrigada por tudo!

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Nossa menininha



Eeee \o/

Estava conversando com algumas amigas e a sensação que tive quando estávamos indo para a clínica que faria a eco, era como se fossemos descobrir naquele momento se estávamos grávidos. A emoção tomou conta de nós e ríamos como bobos ansiosos por saber quem é esse serzinho tão amado que está morando aqui na minha barriga.

Nesta eco minha sogra nos acompanhou e então compramos o DVD porque minha mãe tinha dito que não queria que eu contasse por telefone, mas sim gostaria de descobrir ali junto pelo ultrassom. Eu ri, porque imaginei mesmo que seria um desbravar descobrir o sexo da Clara.

Mas não, foi colocar o aparelho na barriga que a Clara tava toda exibida, atendendo muito nossas orações de que ela mostrasse pra gente quem era. Não teve nenhum momento de tensão. Foi assim, simples e rápido que a Drª nos disse que estamos esperando uma mulher.

Você pode achar lenga lenga, mas realmente não tinha preferência. Eu sonhei em ser mãe. Quando eu era mais jovem pensava que queria ter uma menina, mas depois de conhecer o homem maravilhoso que é o meu marido pensei que criaríamos um garotão incrível também. Em todo o momento eu sabia que Deus nos presentearia com o que Ele quisesse. 

E a alegria de estar gerando nossa menininha saudável, já com 16 cm. Nos deu uma alegria, se não maior do que o momento em que descobrimos nossa gravidez.

Eu só posso agradecer a Deus por estar me proporcionando viver momentos tão lindos e intensos e ao Herbert por me permitir ser sua esposa e concretizar meu sonho de ser mãe.

Agora vão se seguir dias de muito cor-de-rosa, bordados, fru-frus e tudo o que nossa menininha tem direito!

Obrigada por viverem tão intensamente este momento único com a gente!

terça-feira, 16 de setembro de 2014

16 semanas



Ai genteeeem, hoje é o nosso aniversário.

E amanhã é OOOO Dia pra nós, mamãe May e papai Herbert. Vamos descobrir quem é que vem pra esse mundo, se é o nosso menininho ou nossa menininha. Junto com a gente tem uma leva de curiosos!

Uma leva mesmo hahaha, nunca imaginei ter tanta gente na torcida e no aguardo desta grande descoberta. Minha gente, já pensaram se esse bebezinho resolve fechar a perna? Aí vai ter gente dizendo que é menina hehehe.

Estamos muito felizes, sobretudo por saber que está tão saudável e crescendo um pouco a cada dia. Minhas roupas que o digam. Essa micro barriga já foi suficiente pra perder algumas calças.

Na semana passada estava caminhando com a minha mãe na Praça, afinal além de academia a gente tem que andar né? Deixar o corpo parado? - Nem pensar! E as duas conversando:

Eu: - Nossa mãe tô me sentindo tão bem, você vê eu praticamente não passei mal!
Mãe: - Não passou mal? Eu cheguei a ficar preocupada pq teu enjoo não passava!
Eu: - Ah é! Tinha esquecido!

Existem uma lenda, que em prol a continuação da espécie as gestantes são presenteadas com amnésia gestacional. Do tipo esquecer do mal estar, das dores do parto. Porque vamos combinar que se a gente lembrasse de tudo o que passamos é possível que a gente desistisse de ter o segundo filho. Não é?

Depois de a mãe ter dito isso me lembrei que quando estava no terceiro mês pensei bem isso: Que segundo filho que nada! Esse tá bom, não passo por isso nunca mais!

Mas já esqueci :D

Se tem uma coisa boa nessa vida é a internet! E com essa imagem beeeem ilustrativa entendi perfeitamente o porque meu cóccix estar doendo. É você né meu amorzinho, crescendo e apertando a coluna da mamãe! Mas pode apertar e crescer! A mãe aguenta!

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Quem é a gestante preferencial?


7 semanas, 11 semanas, 14 semanas


Afinal de contas quem é a gestante que tem direito a filas preferenciais e lugar especial no ônibus e tudo mais?

Esta semana eu estava me lembrando de um fato que aconteceu quando eu descobri que estava grávida. Porque assim que chegou o positivo por aqui, marquei consulta com a GO e eu tive que fazer alguns exames de sangue.

Cheguei no Laboratório e peguei a senha preferencial para gestante, idosos e blá blá blá. Ainda ri com o meu marido. - Tô sem barriga, mas agora sou gestante! Na placa não diz: Gestante, mas só as com barrigão. Pois como você pode ver pela foto acima, minha barriga ainda não cresceu o suficiente pra ser percebida pro aí como uma gestante e eu estou no 4º mês.

Tinha algumas outras gestantes mais barrigudas que eu e idosos também na frente, chamaram todos por ordem. Quando chegou a minha vez..........

A moça olhou para mim com uma cara de desprezo (desprezo, repudia, cara feia mesmo) e disse: - Mas você pegou a senha preferencial? E eu respondi: - Sim, sou gestante! É claro que ela não pediu desculpa pela forma como disse e nem pela cara que fez. Mas afinal minha gente, eu sou ou não gestante? Tenho ou não direito pela minha senha preferencial e ir nas filas da preferência do mercado? Será que terei que carregar o Beta HCG, talvez a eco?

A sociedade acha que devemos usar a preferência de gestante só quando estamos com barrigão? Sou gestante me considero gestante, não importa os sintomas que eu tenho ou não como gestante do 1º mês ou do 9º mês. Eu simplesmente sou gestante.

Mas sabe o que acontece? Não só comigo mas com todas as mulheres gestantes ainda sem barrigão. A gente simplesmente não usa do nosso benefício. Já ouvi de várias mulheres falando que não vão na fila porque a barriga ainda está pequena, ou porque tem vergonha mesmo, de vir uma atendente como esta do laboratório repreender porque está achando que estamos tirando benefício sem estar com a necessidade.

Agora por sorte a realidade no nosso meio de convívio é uma delícia. Aonde vou, com quem estou dos meus amigos e familiares sempre ganho a preferência. E é um agrado tão carinhoso. É uma gentileza, é questão de educação. Idosos, mães com crianças, com bebê de colo e as gestantes todos merecem uma gentileza, um agrado, um carinho...




terça-feira, 9 de setembro de 2014

Ideias de decoração pro quarto do nosso bebê



E aqui a gente é assim. Agilidade é meu sobrenome hahaha 

Enquanto a gente não consegue descobrir quem vai dar o ar da graça, se é nosso menininho ou menininha a gente já pode escolher como vai ser a decoração do quartinho, se for um ou se for outro.

Com uma mãe arteira é certo que depois de tudo o que já fiz pra amigas e seus bebes eis que é chegada a minha hora e nosso bebe vai ter de TUDO que a mamãe dele sabe fazer. E pra na hora que eu descobrir o que é não ficar perdida já andei fuçando por aí e pensando no tema dos quartinhos.

Se for nossa princesinha o quarto seria com estampas floridas e muitos passarinhos com predominância de rosa e verde. Não se assustem porque eu gosto de cor muito alegre!

Esse bastidor pra colocar na porta é TUDO!

Flores de feltro para amarrar as cortinas

Uma poltrona verdinha tem seu valor! 

Esse quarto foi toda a vida a minha inspiração inicial, amo essas cores!

Essa comoda nem precisa de legenda ;)

Se for nosso príncipe eu quero decoração inspirada na arca de Noé, que mistura água e animais. Acho isso lindo de viver. Na realidade não deixa de ser um tema Safari adaptado. No início eu queria fazer de marinheiro apenas, mas os bichinhos são lindos não é? As cores predominantes seriam azul e verde. Então...

Que tudo isso né?


Nuvem com chuva colorida é muito amor

Bastidores na parede

Um azul mais que lindo

Bastidores de bichinhos. A gente ama!


Essas são algumas das minhas ideias. Nada impede que a gente mude né? Mas por hoje a vontade é esta aí!

Contando os dias pra descobrir o sexo do nosso bebezinho. Que tem crescido e tem feito esses pais aqui muito felizes.







Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...